No fim, é tudo por dim. Acredite. - Projota.

É assim mesmo meu velho. Somos julgados e analisados o tempo todo. Somos nós todos habitantes da selva de concreto onde animais de roupa são famintos e não descansam seu ego nunca!